segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Novo Skoda Fabia

Após um vasto leque de “teasers” que a Skoda tem lançado nas redes sociais, cada um mostrando mais pormenores do carro, eis que finalmente o novo Fabia foi totalmente desvendado, mostrando as suas novas linhas que o aproximam mais do seu irmão Volkswagen Polo, com o qual partilha a sua plataforma MQB do grupo VW.



A estética aproxima este novo Fabia não só do seu irmão Polo como também do resto da “Família Skoda”. Assim, esta terceira geração conta com um look renovado por uma grade frontal mais semelhante ao Octavia, ao invés da anterior geração, que já estava bastante desatualizada. Para além desses dois focos de inspiração, (VW Polo e família Skoda), os designers foram também buscar alguma insipiração a carros-conceito, como o “VisionD”.

Assim como a Opel anda a renovar a sua gama com modelos “Premium-Low Cost”, a Skoda decidiu optar por uma teoria semelhante. Para isso, este citadino não só partilha muitas tecnologias com a Volkswagen como habitualmente, assim como a marca decidiu renovar completamente o sistema de Infotainment, assim como os sistemas de segurança.



Quanto a motorizações, na data de lançamento teremos acesso a motores de três e quatro cilindros. Nos motores a gasolina, temos o 1.0 MPI com 60 cavalos ticilíndrico (partilhado com o VW Up, Skoda Citigo e Seat Mii), e o 1.2 TSI turbo de 110 cavalos, com quatro cilindros. A Gasóleo, temos o 1.4 de três cilindros com opções de 75 a 105 cv.



Em 2015, teremos mais motores Diesel, juntando-se à gama o 1.4 TDI de 75 cavalos, que conta com sistemas como o Start&Stop, assim como o sistema de recuperação de energia cinética (sistema de frenagem/travagem usado no mundo do automobilismo, que recupera uma parte da energia cinética gerada pela desaceleração, em vez de toda esta se perder na forma de calor. - Wikipedia)

Acima de tudo os responsáveis da marca checa procuraram que o seu novo utilitário fosse mais eficiente – podendo ter um consumo inferior ao do seu antecesor em cerca de 17 por cento. O que foi conseguido também através de um ‘emagrecimento’ baixando o peso do conjunto (que pode chegar aos 980 kg), quer pela adoção de uma nova gama de motores, sendo que haverá quatro novos blocos a gasolina e três a diesel. Os consumos anunciados começam assim nos 3,1 l/100 km e 82 g/km de emissões de CO2 na versão 1.4 TDI Greenline.



Tal como sucedeu com o Polo, este Fabia deverá contar, entre outras novidades, com novas transmissões (DSG de dupla embraiagem estará entre as opções nos motores de quatro cilindros).

O novo Fabia terá, assim como a geração anterior, menos de 4 metros de comprimento, ficando-se nos 3 metros e 99. Será, porém, 30 milímetros mais baixo e 90 milímetros mais largo do que a geração atual. Este aumento também melhorou a habitabilidade dos bancos traseiros, bem como a bagageira, que passa dos 315 para os 330 litros de volume. Ainda não foram mostradas fotos do interior.


Este modelo deverá ser mostrado oficialmente ao público no Salão Automóvel de Paris em Outubro de 2014, e a sua apresentação aos jornalistas internacionais e à imprensa será em Portugal, na zona de Lisboa ainda em Agosto de 2014. Aí haverá uma sessão de fotografias à beira do rio Tejo.

Sem comentários:

Enviar um comentário