terça-feira, 12 de julho de 2016

Novo Mégane Sedan já foi apresentado!

Bem, já lá vão alguns meses desde que a Renault lançou o Mégane Hatchback no mercado. A carrinha Mégane também já foi apresentada e está prestes a ser lançada no mercado, mas quanto ao novo Mégane Sedan, o chamado actualmente de "Renault Fluence", ainda só existiam fotos espias com camuflagem (ver aqui).

Até esta semana, pois um site revelou algumas imagens de um "suposto" manual de instruções do novo Fluence, e as imagens espalharam-se pela Internet. Pode ver essas fotos no site rnews.cz, ou então clicando aqui, e será redireccionado para o artigo.

No entanto, já não se precisa de limitar às fotos espias e aos manuais de instruções: A Renault já apresentou oficialmente o modelo, depois de 3 dias a apresentar teasers na página oficial de Facebook.

(clique em cima das imagens para uma maior resolução)


E agora, os rumores quanto ao nome confirmaram-se: Em 2009, a Renault colocou o Mégane Sedan à parte da gama Mégane, e chamou-lhe Fluence.
Visto que esse nome não foi um grande sucesso de vendas (pelo menos em Portugal), este 3 volumes de 4 portas está de volta com o nome Mégane.


No entanto, o nome Mégane só virá acompanhado da nomeclatura Sedan em alguns mercados, e noutros será o Mégane Grand Coupe.


No entanto, nem tudo é um mar de rosas: Infelizmente, não se espera a comercialização deste modelo para Portugal (saiba-se lá porquê). Portanto, só será vendido na Algéria, Arábia Saudita, Austrália, Bulgária, Croácia, Egipto, Emirados Árabes Unidos, Estónia, Hungria, Irlanda, Itália, Israel, Letónia, Líbano, Lituânia, Marrocos, Polónia, República Checa, Roménia, Sérvia, Eslovénia, Tunísia, Turquia, e Ucrânia. Será fabricado na Turquia, tal como acontecia com o Fluence, ao invés de na fábrica de Espanha, onde se fabrica o Mégane 5 portas e Estate.


Contará com os mesmos "luxos" da gama Mégane, como os LED's Pure Vision, o Head-Up Display, e o ecrã táctil de 8,7 polegadas com o sistema integrado de infotainment R-Link 2, assim como o painel de instrumentos de 7 polegadas. Este Sedan terá também um sistema de abertura de bagageira "mãos livres", que permite a abertura da porta da bagageira com o pé, que é detectado por um sensor quando ele passa por baixo do pára-choques traseiro. 


A nível estético, destaco a solução encontrada para o pilar C, e os faróis traseiros, que são sem dúvida um pouco diferentes do resto da gama Mégane, principalmente nos cantos inferiores, apesar de terem na mesma o mesmo estilo "ao comprido" na horizontal.


Quanto a sensores de segurança, destaco o Sistema Avançado de Travagem Automática (Advanced Emergency Braking System), assim como o alerta de mudança de faixa.


O aspecto "requintado" e que marca a diferença é o tecto panorâmico, que dá um ar bastante luxuoso ao interior e exterior. Os motores serão os SCe 115 e TCe 130 como apostas a gasolina, e os Diesel dCi 90, dCi 110 e dCi 130 serão as apostas a diesel. No entanto, os motores disponíveis
poderão variar consoante o mercado.

Sem comentários:

Enviar um comentário